sexta-feira, 22 de julho de 2011

«Completamente tu...»

Publicado por Desnorteada às 12:05 da tarde


Meu amor há tempo,
Se tu quiseres,
Sem assombro, sem medo,
Se te atreveres a ser, completamente tu,
Venha o que vier,
Agarra bem, o mundo
Acredita o tempo é sempre agora
Não há mais rodeios, desenganos ou demoras
Vê, o teu sentido és tu
Com tudo o que trouxeres, em ti, ainda
Eu sei que às vezes muito perto, desfoca
E querer o mundo inteiro no peito, sufoca
Mas eu quero-te aqui,
Eu quero-te em mim,
Meu amor há tempo
Se tu quiseres,
Sem assombro, sem medo,
Se te atreveres a ser, completamente tu,
Venha o que vier, agarra bem o mundo,
Acredita o tempo é sempre agora,
Não há mais rodeios, desenganos ou demoras,
Vê, o teu sentido és tu
E a força que trouxeres, em ti, ainda
Eu sei que às vezes muito perto, desfoca
E querer o mundo inteiro no peito, desfoca
Mas eu quero-te aqui,
Eu quero-te em mim,
Eu sei que ao longe há sombras ausentes,
Mas eu vejo-te em zoom e o meu plano é diferente,
Eu sinto a tua falta, não te quero largar mais
Não te quero largar mais,
[...]
Não te quero largar mais...

3 comentários:

Palco do tempo on 12:28 da tarde disse...

linda letra, linda musica :)

Desnorteada on 4:40 da tarde disse...

Palco do tempo, já devias saber que tenho muito bom gosto musical... :)

Palco do tempo on 11:35 da tarde disse...

pois eu sei que sim :)

 

O Meu Lado B Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos