sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Morreu Manuel António Pina...

Publicado por Desnorteada às 10:57 da tarde
O Resto é Silêncio ( Que Resto?)

Volto, pois, a casa. Mas a casa,
a existência, não são coisas que li?
E o que encontrarei 
se não o que deixo: palavras?

Eu, isto é, palavras falando,
e falando me perdendo
entre estando e sendo.
Alguma vez, quando

havia começo
e não inércia,
quando era cedo 
e não parecia,

as minhas palavras puderam estar
onde sempre estiveram:
no apavorado lugar 
onde sou silêncio.


Manuel António Pina in Poesia Reunida (1974 - 2001, Assírio & Alvim)

2 comentários:

Teresa disse...

Que notícia triste! :( Este também é um dos meus preferidos...

Desnorteada on 2:43 da tarde disse...

Ele tinha tantos... :( ficamos todos mais pobres

 

O Meu Lado B Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos