terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Da minha infância...

Publicado por Desnorteada às 11:10 da tarde

Dos últimos quatros dias, uma única palavra: mimo. Aproveitei o Carnaval para dedicar uns dias ao descanso e aproveitei para recarregar baterias. Ainda que tenha trazido trabalho para casa, a verdade é que o fim-de-semana prolongado fez-me mesmo bem. Com a minha mãe de férias, valeu de tudo... até mesmo o fantástico leite creme que ela fazia para mim e para o meu irmão quando éramos pequeninos e estávamos menos alegres. Era remédio santo para ficarmos de sorriso estampado na cara o resto do dia. Como é que as mães têm este poder de, com pequeníssimas coisas, conseguirem encher o nosso coração de alegria e uma paz indescritível? Hoje, com a chuva, o vento e o frio que estava, não saí de casa. Passei o dia de pijama e pantufas a tentar arrumar umas caixas e acabar um trabalho que me está a deixar de cabelos em pé. A meio da tarde, a minha mãe entrou pelo meu quarto e apanhou-me de lágrima no olho - é o que dá pensar em coisas estúpidas. Disfarçou e passado uma meia hora chamou-me à cozinha. Senti logo o cheiro a canela pelo corredor e a minha tristeza deu lugar a um bem-estar que só podia ser da autoria dela. Quando percebi que tinha feito o leite creme só para eu ficar um bocadinho mais bem disposta, ela sai-se com esta: "um dia ainda vais ser muito feliz". Oh pah... nem sabia onde me havia de enfiar. Engoli em seco e respondi: "não, mãe, não é um dia... é hoje... por confirmar, mais uma vez, que és mesmo a melhor mãe do mundo". Lamechices, eu sei. Mas é o que dá ter ali o leite creme para provar e a minha mãe a divagar sobre o futuro...

Já agora, porque sei que devem estar curiosos, o leite creme estava uma delícia e continua a ser remédio santo...

4 comentários:

joão disse...

ui... espero q um dia o meu puto me diga isso a mim. :P

Desnorteada on 4:28 da tarde disse...

se fizeres tudo direitinho, não tem por que não dizer... ;)

Kate on 5:36 da tarde disse...

Há pequenas coisas que têm a capacidade de confortar o nosso coração! Quando vou a casa, a minha mãe está sempre à minha espera com o meu bolo ou sobremesa favoritos, e quem bem que me sabem esses miminhos!

Desnorteada on 6:11 da tarde disse...

elas têm super-poderes. acredita! ;)

 

O Meu Lado B Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos