quinta-feira, 28 de março de 2013

Para nós, Avó!

Publicado por Desnorteada às 10:35 da manhã 3 comentários

As camélias da minha avó voltaram a florir. 
Só pode ser um bom sinal.

terça-feira, 26 de março de 2013

Apesar da chuva...

Publicado por Desnorteada às 11:47 da manhã 7 comentários


... é possível encontrar coisas que nos fazem sorrir um pouco.

domingo, 24 de março de 2013

Obrigada!

Publicado por Desnorteada às 11:30 da manhã 3 comentários
Partiu uma das melhores pessoas com quem já trabalhei. Ensinou-me tanto que arrisco dizer que hoje sou melhor profissional e melhor pessoa à custa dele. Estou triste. Estou mesmo triste. Sei que agora vai poder descansar em paz, descansar de lutar pela vida, descansar do sofrimento que foram os últimos tempos de vida. O que me irrita é descobrir, cada vez mais, que só partem os bons, caramba! Só partem as boas pessoas. :'( Obrigada por tudo, amigo, agora, ficam apenas as saudades...

quarta-feira, 20 de março de 2013

Olá Primavera!

Publicado por Desnorteada às 12:17 da tarde 2 comentários

terça-feira, 12 de março de 2013

Filmes de domingo à tarde...

Publicado por Desnorteada às 11:17 da tarde 2 comentários
Ultimamente ando tão cansada que quando páro um pouco apetece-me fazer coisas que não puxem muito pela minha inteligência. Sabem quando andamos por andar, vemos por ver, ouvimos por ouvir? É mais ou menos isto. Às vezes dou comigo a olhar para a televisão ou para as páginas do livro que ando a ler e nem me apercebo do que por lá se passa. Nos últimos quatro dias, decidi que nas minhas horas vagas [estou no meio de um trabalho que está a exigir muito de mim] ia ver comédias românticas, historinhas de amor que só em filmes mesmo, coisas leves e sem muito para pensar. E acabei com uma lista [da qual não me orgulho] que me fez lembrar o tempo de adolescente. De um conjunto de oito filmes, escaparam-se dois, ainda que não possa dizer que os outros tiveram também a sua piada. São os ditos filmes de domingo à tarde, com finais previsíveis e com historinhas da treta. Valem por alguns textos e os homens lindos que entram neles [ai o Channing Tatum, o Bradley Cooper, o Zac Efron, o Ashton Kutcher ou mesmo o Jeremy Irvine]... Eu sei que a minha opinião não conta para nada, mas decidi pôr aqui a listinha de filmes que vi. Enjoy it!


Guia para um Final Feliz - Muito bom! Adorei. A Jennifer Lawrence tem mesmo um papel muito especial.

Sexo sem Compromisso - Como dizer?! Nada de novo... baaahhh


Adoro-te à Distância - Prevísivel demais. História pobre.

Agora fico bem - Adorei! História simples, mas intensa e muito emocionante. Chorei baba e ranho no final.


Um Homem de Sorte - É um Nicholas Sparks. Sem nada para acrescentar.

Para Sempre - Impressiona por ser uma história verídica.


Amigos Coloridos - Mau de mais para ser com a Mila Kunis.

Dear John - É outro Nicholas Sparks. Vale por algumas linhas que se ouvem e lêem no filme e, claro, pelo Channing Tatum e seu fantástico corpinho.

segunda-feira, 11 de março de 2013

Das cópias descaradas.

Publicado por Desnorteada às 10:32 da manhã 7 comentários

Enviaram-me este print screen para o meu e-mail. Não vou denunciar publicamente quem fez isto, apenas gostava de lhe dizer que é feio copiar à descarada textos de outras pessoas. Pode usar à vontade o que escrevo, mas não à vontadinha. Peço, apenas, que para a próxima diga qual é a fonte. Não custa muito, pois não?!

P.S.: Esta moda de copiar textos na blogosfera não tem graça nenhuma. Se por um lado é um elogio ao que escrevemos, por outro é um descaramento da parte de quem os rouba e os usa como se fossem seus.

sábado, 9 de março de 2013

Programa de fim-de-semana...

Publicado por Desnorteada às 12:56 da tarde 2 comentários

E hoje o meu dia vai ser assim: café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Café, ler e escrever. [...] Acho que já perceberam! E o pior é que amanhã o programa prevê-se o mesmo: café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Café, ler e escrever. Pffffff....

sexta-feira, 8 de março de 2013

Do Dia da Mulher...

Publicado por Desnorteada às 11:50 da tarde 2 comentários

Nada como ter um Pai que sabe do que eu gosto. Hoje, era mais ou menos meio-dia, liga-me e diz-me o seguinte: "Olha, eu sei que é dia da gaja, mas acho que devias era fazer um programa de gajo. Queres ir ao futebol comigo?" E fui. E gostei tanto. [Apesar do jogo ter valido pelo primeiros 15' e mais nada!] Saímos do Estádio com uma vitória, tive a companhia do meu Pai, o que já não acontecia há algum tempo no futebol, fiquei rodeada de meninos bonitos [tenho mesmo de ir mais vezes ao Estádio] e fiz, no dia mundial da mulher, uma das coisas que mais gosto de fazer. Estava mesmo a precisar de um miminho assim... ;) Agora, só tenho de me aquecer com um cházinho porque foi tudo muito bonito, mas no Estádio estava um calor esquisito e eu ainda tenho os ossos a doerem-me de tanto tremelicarem. Boa noite e até amanhã... :*

quarta-feira, 6 de março de 2013

Está tudo bem?

Publicado por Desnorteada às 12:39 da manhã 3 comentários

Ando um bocado cansada da expressão. A sério. Já contaram quantas vezes vos perguntam se está tudo bem ao dia? Ou ao telefone, ou por e-mail, ou num chat qualquer [porque agora estamos ligados a não sei quantos], ou num sms. O "está tudo bem?" tem de estar sempre presente. A resposta é sempre mesma: sim e contigo? Quando na verdade o que quero dizer, na maior parte das vezes, é: não, está tudo uma merda. Às vezes, ponho-me a pensar quantas vezes essa pergunta é feita com verdade, com a sincera intenção de querer saber se estou bem ou não, se interessa a quem a faz a resposta que vou dar. Ontem, acabei por responder: "mais ou menos" e a resposta foi: "então?". É que as pessoas não estão habituadas a que se responda a isso com o que lhe vai na alma [ou quase isso]. Estamos todos formatados para sermos politicamente correctos. E é assim, verdade, verdadinha, não fica nada bem dizer que a vida está uma merda. Já aqui disse várias vezes que somos personagens numa história que nós próprios vamos construindo à medida que o tempo passa. E nem imaginam como me tenho sentido assim. Um boneco que não pode mostrar o que sente, porque também tem pouca gente a quem contar o que o faz chorar enquanto conduz, enquanto não dorme, enquanto não tem com o que se ocupar. Gostava que alguém se sentasse ao pé de mim e me perguntasse se está tudo bem comigo e eu sentisse que a pergunta não era de circunstância. Já não me lembro o que é sentir que alguém se preocupa comigo, de como vai a minha vida e como estou a lidar com o se está a passar nela. E fico triste por não me lembrar. E fico triste por achar que isso é pedir muito. Demasiado. 

segunda-feira, 4 de março de 2013

Eu e as Covers #8

Publicado por Desnorteada às 10:13 da manhã 4 comentários


Todos nós já ouvimos o remix desta música [que não sei até que ponto pode ser considerado uma cover]. Hoje deixo aqui o original de uma música que me faz sorrir sempre que a ouço.
Bom dia, alegria!

domingo, 3 de março de 2013

Das Manifs de ontem...

Publicado por Desnorteada às 10:18 da tarde 3 comentários


... fica um vídeo de Braga que retrata bem o que nos apeteceu dizer bem alto. É ao minuto 3'. E é por isso que tenho, cada vez mais, orgulho em ser minhota.
 

O Meu Lado B Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos